Saúde apresenta relatório em audiência pública em Fabriciano

O Hospital Dr. José Maria de Morais iniciou o ano com números otimistas. Já são mais de 900 internações clínicas e cirúrgicas, além da realização de cerca de 200 cirurgias.

A Secretaria de Governança da Saúde de Coronel Fabriciano, apresentou nessa segunda-feira, 11, dados que revelam como anda a saúde no município. O Relatório Detalhado do Quadrimestre Anterior (RDQA), foi apresentado em audiência na Câmara Municipal. O RDQA é um instrumento de monitoramento e acompanhamento da execução da Programação Anual de Saúde (PAS) e deve ser apresentado nos meses de maio e setembro para mostrar a receita estimada e a receita realizada no período. Antes de chegar a câmara, o relatório passou pelo Conselho Municipal de Saúde e foi aprovado.

Nesse primeiro quadrimestre, Fabriciano alcançou resultados significativos. No primeiro quadrimestre de 2018, foram realizados 94.796 exames contra 74.930 em 2017, aumento de 27%. O número de consultas médicas especializadas também bateu recorde. No primeiro quadrimestre do ano passado, 2.995 consultas foram realizadas. Já neste mesmo período em 2018, são cerca de 10.340 consultas, aumento expressivo de 345%.

A Produção Ambulatorial de Vigilância em Saúde também demonstrou eficiência nas ações com números altos. Dentre visitas domiciliares, atividades educativas, inspeção sanitária de serviços de alimentação, entre outros, já são mais de 39.900 atividades realizadas. No ano passado, apenas 453 atendimentos foram contados, pois antes os atendimentos não eram registrados.

O Hospital Dr. José Maria de Morais também iniciou o ano com números otimistas. Já são mais de 900 internações clínicas e cirúrgicas, além da realização de cerca de 200 cirurgias.

Fabriciano também obteve outros avanços no início de 2018 como a criação do protocolo de exame da Atenção Básica, que visa dar mais agilidade e estabelece critérios na solicitação e marcação dos exames; o 1° Mutirão de Catarata, onde foram realizadas 231 cirurgias, além da distribuição de medicamentos para todos os pacientes que participaram e o Programa Mexa-se, que foi lançado com objetivo levar qualidade de vida para os munícipes, melhorando a saúde, atuando na prevenção e controle de doenças, além de ter o acompanhamento de nutricionistas e psicólogos. O Programa já possui quase 2.000 inscritos.

Para o próximo quadrimestre Coronel Fabriciano espera realizar o 2° Mutirão de Cataratas, prosseguir com a realização de cirurgias ginecológicas, ampliar a oferta de exames no município; e realizar consultas de varias especialidades a fim de desafogar a fila de espera das Unidades básicas de saúde e aprimorar o tratamento dos pacientes.

Para o prefeito, Dr. Marcos Vinicius, o relatório é a comprovação de uma política séria e austera. “A saúde de Coronel Fabriciano está sendo ampliada e melhorada, mesmo com todas as dificuldades advindas da falta de recursos dos governos estadual e federal. A gente está gestão, não é milagre”, afirmou.