Contra Chape, Atlético tenta quebrar a sina de oitavas na busca por 2º título

Em nove das 28 edições em que participou na Copa do Brasil - um terço do total -, o Atlético caiu nesta fase

O Atlético está em sua 29ª participação em Copas do Brasil. Desde que a competição foi criada, em 1989, o alvinegro só ficou de fora da edição de 1993. 

Campeão em 2014, o Galo tenta o segundo título este ano mas, para isso, precisa superar a Chapecoense, adversária desta quarta-feira, em Chapecó. No jogo de ida, as equipes ficaram no 0 a 0, no Independência.

O duelo é válido pelas oitavas de final da competição, fase essa que é a mais ingrata no histórico atleticano no torneio.

Em nove das 28 edições em que participou - um terço do total -, o Atlético caiu nesta fase. Isso aconteceu em diferentes períodos, nos primeiros anos do torneio (1989, 1990, 1994, 1995, 1998) e também nos últimos tempos (2009, 2012, 2013 e 2015).

O Galo já foi desclassificados sete vezes nas quartas de final, chegou às semifinais duas vezes (2000 e 2002) e foi vice, em 2016, perdendo a decisão para o Grêmio.