Governo da Síria entra em Douma, local de ataque com armas químicas

Unidades policiais do país retomam cidade que estava em poder dos rebeldes desde 2012

A TV estatal síria informou que unidades da polícia do país estão entrando na cidade de Douma, local de um ataque com armas químicas atribuído ao regime sírio e a última cidade controlada pelos rebeldes na região de Ghouta Oriental.



A TV síria mostrou a polícia agitando bandeiras sírias, aparentemente no limite da cidade, que fica a leste de Damasco, e disse que a "presença terrorista" em Douma vai acabar "dentro de algumas horas".



A entrada de forças do governo em Douma vem após um acordo mediado pela Rússia que garantiu a rendição e a evacuação dos rebeldes e de milhares de civis da cidade.



Douma e a extensa região de Ghouta Oriental estiveram sob controle rebelde desde 2012 e são um entrave para o governo do presidente da Síria, Bashar Assad, há anos. A captura de Douma marca uma vitória para Assad.