Ipatinga retoma operação tapa-buracos


Pelo menos 50 toneladas de asfalto serão usadas para tapar algo em torno as centenas de buracos ou crateras deixadas pelas fortes chuvas que caem em Ipatinga nas últimas semanas. De acordo com a Semop (Secretaria Municipal de Obras Públicas), os pontos mais críticos da malha urbana estão sendo atacados em várias frentes, e a meta é eliminar cerca de 80 buracos diariamente, em diversas regiões.

As ações vêm sendo priorizadas em locais com maior fluxo de veículos e utilizados como itinerários de ônibus, além de outros pontos precários identificados, seja pela própria administração ou a partir de indicações da comunidade. Em circunstâncias normais, o asfalto aplicado tem uma vida útil entre 8 e 12 anos, e percebe-se que muitos dos problemas são ocasionados pela antiguidade da pavimentação, que chega a ser de mais de 40 anos em parte dos locais afetados.

Segundo o secretário Dijalma Pires, a projeção é de que nesta semana sejam suprimidos ao menos 400 buracos. Até esta quarta-feira, 24, máquinas e homens estarão mobilizados nos bairros Ferroviários, Cidade Nobre, Canaã, Bethânia, Tiradentes, Vila Celeste, Granjas Vagalume e Chácaras Oliveira. Na sequência, serão atendidos trechos das rotas hospitalares e Limoeiro. Caso as condições meteorológicas permitam, a ação será ininterrupta pelos próximos dias, evoluindo por outros bairros.

A Semop informou ainda que os atendimentos têm priorizado demandas apresentadas pela comunidade em razão do período chuvoso, e elas devem ser encaminhadas pelo telefone 156 ou e-mail ouvidoria@ipatinga.mg.gov.br. A Prefeitura disponibiliza ainda o número 3829-8198 para o registro das solicitações.