Integração do transporte público de Fabriciano passa a ser feito exclusivamente com bilhete eletrônico

O sistema é operado pelo Consórcio Fabri Fácil, hoje atendido pelas empresas Saritur, Acaiaca e Univale

Divulgação PMCF

A integração será feita exclusivamente por meio do cartão eletrônico


A partir do próximo sábado (26/10), a integração do transporte público municipal será feita, exclusivamente, com o cartão do Fabri Fácil. O bilhete eletrônico é um benefício que possibilita ao passageiro tomar um segundo ônibus, entre setores diferentes num período de uma hora, pagando apenas uma tarifa. A integração pode ser feita em qualquer ponto da cidade.

O novo sistema foi implantado em junho deste ano para modernizar o serviço e deixar a viagem mais confortável e rápida. A iniciativa também garante mais segurança dos usuários e trabalhadores do transporte público, uma vez que o uso do bilhete eletrônico diminui a circulação de dinheiro dentro dos ônibus, inibindo a ação de assaltantes.

Com a implantação da bilhetagem eletrônica, o antigo ponto de integração, próximo ao Senac, funcionará apenas como apoio dos motoristas das linhas municipais, sem embarque e desembarque de passageiros no local. O sistema é operado pelo Consórcio Fabri Fácil, hoje atendido pelas empresas Saritur, Acaiaca e Univale. Desde o início do mês, a concessionária do serviço vem orientando os passageiros sobre o novo sistema de integração, com distribuição de panfletos.

Postos volantes de venda do cartão Fabri Fácil funcionarão nos pontos de embarque/desembarque da Praça da Bíblia, Melo Viana; Av. Magalhães Pinto (próximo ao trevo – ponto do Bazar Cida) e Rua Maria Matos (Coelho Diniz), no Centro. Os cartões já vêm recargas de R$ 10, R$ 15 ou R$ 20.

"O sistema de bilhete eletrônico é fácil, seguro e prático. Já é adotado com sucesso em todas as capitais e diversas cidades do país. Com o cartão do Fabri Fácil, o passageiro que mora no Melo Viana pode tomar o segundo ônibus para o Amara Lanari, em qualquer ponto, pagando apenas uma passagem, por exemplo. Antes, o usuário só conseguia fazer a integração de uma linha para a outra no terminal em frente ao Senac", explica Newton Augusto Silva, gerente operacional da Saritur.

A emissão da primeira via do bilhete eletrônico é gratuita para o cidadão. Quem já possui o cartão do modelo antigo pode continuar a usá-lo normalmente.

Divulgação PMCF

O espaço físico que era usado como integração servirá de ponto de apoio para os motoristas


MAIS BENEFÍCIOS

O cartão Fabri Fácil oferece mais praticidade e segurança para o usuário e, agora, conta com um novo aplicativo para celular. Por meio da ferramenta é possível saber os horários atualizados de todas as linhas; acompanhar o trajeto; selecionar um ponto de embarque e saber qual o horário programado para a chegada do seu ônibus e até, quantos minutos faltam para o embarque.

Segundo a concessionária, até o final do ano, outros benefícios serão oferecidos aos passageiros de Fabriciano, como wi-fi gratuito dentro dos ônibus, aquisição de um novo ônibus com ar condicionado e instalação de novos leitores nas catracas, com a possibilidade de pagamento da tarifa também o cartão de débito.

COMO FAZER O CARTÃO E RECARREGAR

Qualquer pessoa pode adquirir o cartão Fabri Fácil. Basta ir ao posto de atendimento da concessionária no Terminal Rodoviário Municipal (loja 6, no térreo) e apresentar documento de identidade e CPF. É necessário fazer uma compra mínima de R$ 10 em crédito, válidos por até seis meses sem uso após o carregamento. O cartão fica pronto na hora, com o limite de um bilhete eletrônico por CPF.

A cada uso, o valor da passagem (R$ 4,10) é descontado no cartão. Novas recargas podem ser feitas pelo usuário, a qualquer momento, no guichê da concessionária ou pela internet www.fabrifacil.com.br, inclusive com a opção de pagamento por meio de cartão de crédito e débito. Em caso de perda ou extravio do cartão, o cidadão pode solicitar o bloqueio imediato junto à concessionária. A segunda via do bilhete eletrônico custa o valor de duas passagens (R$ 8,20) os créditos contidos no cartão, no momento do bloqueio, podem ser resgatados.

No caso de cartão personalizado – idoso e deficiente (que têm direito a gratuidade) e estudante (com desconto de 40% sob o valor da tarifa) – o bloqueio é imediato, na roleta, logo quando é identificado o uso indevido.

ATENDIMENTO

Fabri Fácil
Rua Pedro Nolasco, nº 400, loja 6 – Terminal Rodoviário Municipal

Funcionamento: de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 11h30 e das 13h às 17h30. Telefone: 3841-0957. Site: www.fabrifacil.com.br

A integração, com pagamento de uma tarifa, é possível entre os setores diferentes e no intervalo de uma hora:

SETOR MELO VIANA

Judith Bering, Floresta, Caladão/Contente, Distrito Industrial, Silvio Pereira I, Silvio Pereira II, Recanto Verde, Pedra Rocha, Córrego Alto, Santa Cruz e JK.

SETOR CALADINHO

Aparecida do Norte, Caladinho de Cima, Morro do Carmo, Morada do Vale, Serra Azul, Pedreira e Pomar.

SETOR AMARO LANARI

Amaro Lanari, Mangueiras