Prefeitura inicia elaboração do Plano de Manejo da APA da Biquinha com participação popular

Foto: PMCF


Poder Público, clubes de serviços, organizações não governamentais (ONGs) e a população iniciaram os trabalhos para a elaboração do Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental (APA) da Biquinha. O Plano de Manejo é um documento técnico para definir ações necessárias para a gestão, uso sustentável dos recursos naturais e conservação da APA e as áreas do seu entorno nos próximos anos.

A primeira audiência pública aconteceu nessa quinta-feira, 26, organizada pela Prefeitura de Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança Urbana, Planejamento e Meio Ambiente. O objetivo da atual administração, que articula as discussões, é garantir ampla participação popular na construção coletiva do documento. A primeira oficina participava já têm data marcada: dia 26 de outubro, em local a ser definido. Serão realizadas oficinas setoriais, palestras e atividades in loco.

Gerente de Meio Ambiente e presidente do Conselho Municipal de Meio Ambiente (CODEMA), Ivan César de Oliveira explicou a importância da unidade de conservação para o município e como o plano de manejo pode colaborar para a conservação da mata. "O plano de manejo também é um instrumento para o município buscar investimento para ações socioambientais para o município e, em especial a APA, visando garantir as suas riquezas naturais para todos e gerações futuras", comenta.

A área conhecida como "Mata da Biquinha" foi declarada como de proteção ambiental em 2007 (Lei Municipal 3.381/2007). No entanto, esta é a primeira vez que será realizado um estudo completo e detalhado da unidade de conservação. Presidente da APA da Biquinha e da Comissão de Direito Ambiental da OAB/Fabriciano, Fernando Albeny destaca a importância da iniciativa. "O Plano de Manejo é uma espécie de 'raio X' da Mata da Biquinha, inédito e fundamental para conservação e desenvolvimento do local e, o mais importante, com a participação popular assegurada", conclui.

Foto: PMCF


Audiência Pública para discutir a situação da Biquinha
Participaram da audiência pública o prefeito em exercício, José Gregório de Paiva; presidente da Câmara Municipal, Adriano Martins; secretário de Governança Urbana, Planejamento e Meio Ambiente, Douglas Prado e representantes de entidades, ONGs e grupos de frequentadores e vizinhança da Mata da Biquinha.

MATA DA BIQUINHA

Com aproximadamente 329 hectares, a área conhecida como "Mata da Biquinha" é a única unidade de conservação dentro do perímetro urbano de Fabriciano. A área estende pelos bairros Belvedere, Giovannini e São Domingos. A mata possui vegetação nativa em regeneração, que abrigam pequenos animais silvestres, conta com trilhas, cachoeiras e nascentes. O local é aberto ao público, que utiliza o espaço para caminhada e outras atividades esportivas.