Com contas no vermelho, Zema encontra-se com Paulo Guedes

Assessoria não divulgou o motivo da reunião, mas ela ocorre no mesmo dia que o Tesouro Nacional divulgou a difícil situação fiscal do Estado

Léo Fontes

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), vai se reunir na tarde desta quarta-feira (18) com o ministro da Economia, Paulo Guedes, em Brasília. O chefe do Executivo mineiro já havia solicitado o encontro, que foi marcado de última hora. Coincidência ou não, o encontro ocorre no mesmo dia em que o Tesouro Nacional mostrou a complicada situação financeira do Estado. 

De acordo com o Boletim de Finanças dos Entes Subnacionais, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul continuam com alto índice de endividamento, com a nota da capacidade de pagamento (Capag) no nível C e, por isso, não podem contrair empréstimos com garantia da União. 

O estudo mostra ainda esses Estados possuem os casos mais significativos em relação a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Minas Gerais, por exemplo, em 2018 chegou a uma relação de despesa líquida com pessoal e receita corrente líquida de 78,13%.  Sobre o Plano de Recuperação Fiscal, é apontado no relatório que Minas Gerais está fazendo ajustes no plano que foram solicitados pelo Tesouro.

A assessoria de imprensa do governo do Estado não deu detalhes sobre o tema do encontro e nem se estará em pauta a discussão sobre o Regime de Recuperação Fiscal, ao qual o governador quer aderir. A pasta somente informou que vai ser abordada a questão fiscal de Minas.