Copa Fabricianense de Futsal é finalizada com grande sucesso

Participaram da competição 16 times masculinos e 6 femininos.

A Copa Fabricianense de Futsal 2019 foi realizada pela Prefeitura de Coronel Fabriciano, por meio da Secretaria de Governança da Cidadania do Futuro – pasta responsável pelas políticas de esporte e lazer. Iniciada no dia 20 de janeiro, a competição compreendeu a realização de 42 jogos, todos no ginásio do Colégio João Calvino, com um público em todas as rodadas e um recorde de 300 pessoas nas grandes finais.


Na categoria masculina o time do Racing venceu o Real MDC por 3 a 1. Na feminina, as Meninas da Vila ganharam do Segura o Tchan por 3 a 2. Ao longo da competição participaram 16 times masculinos e 6 femininos. No último sábado 23, ocorreu a disputa do 3º lugar. Na modalidade masculina, o Vila do Carmo venceu o Fabri Sant Germain por 7 a 3. Na modalidade feminina, o Titãs levou a melhor sobre o Águias, vencendo por 4 a 2.


O Secretário de Governança da Cidadania do Futuro, Nivaldo Lagares- Querubim, falou sobre a importância do esporte nas políticas públicas. “É fundamental ressaltar que políticas públicas se faz com o esporte também, por isso mantemos atividades como essa no município. A nossa missão é realizar mais eventos esportivos ainda esse ano”, disse.

“Apesar de há mais de uma década não ter competições como esta no município, Fabriciano tem se esforçado para realiza-los com mais frequência e ficamos felizes em saber que o público comparece”, concluiu.

Ao final da partida foram feitas as premiações. Ganharam medalhas 1º, 2º e 3º lugar, e troféus 1º e 2º lugar. Além disso, foram conhecidos o artilheiro da modalidade masculina, e duas artilheiras na modalidade feminina - já que houve empate no número de gols marcados por duas atletas - troféu para a equipe mais disciplinada; para o goleiro menos vazado, e a entrega troféu Fair Play para a técnica da Equipe Águias, Geisiane de Souza Reis.

O jogador do Real MDC, Felipe de Paula, falou sobre os resultados que o esporte trás para sua vida. “Sou jogador desde os 10 anos de idade, e o esporte tem sido muito importante para minha disciplina. Fabriciano tem me dado uma oportunidade única para a realização do sonho de jogar profissionalmente”, disse.

Já a goleira campeã, Talita Vitória, da equipe das Meninas da Vila, falou sobre a dificuldade de chegar a final da competição. “Não foi fácil chegar até a final, principalmente porque muitos duvidavam da nossa capacidade, mas com muita luta e dedicação, nós conseguimos esse título tão importante. Ficamos felizes em saber que o município tem investido no futsal feminino”, ressaltou.