Alvaro Dias defende eleição e lista para escolha de ministros do STF

Na proposta de Dias, uma eleição seria feita pela magistratura e os seis mais bem colocados formariam uma lista

O candidato do Podemos à Presidência, Alvaro Dias, defendeu na noite desta quarta-feira (8) em São Paulo mudança no modelo de escolha de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).



Na proposta de Dias, uma eleição seria feita pela magistratura e os seis mais bem colocados formariam uma lista. Desta relação, o presidente escolheria um nome, que seria sabatinado pelo Senado



O senador paranaense esclareceu ainda que não procurou o juiz federal Sergio Moro, nome que Dias defende que seja nomeado ministro da Justiça em um eventual governo dele.



"Não o procurei pessoalmente porque acho que seria deselegante", afirmou a jornalistas.